Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Alessandro Tramujas Assad - Conselho Nacional do Ministério Público

 Alessandro Tramujas 3

Informações

Nome: Alessandro Tramujas Assad
Origem: Procurador de Justiça do Ministério Público de Roraima
Vaga: Ministério Público dos Estados
Mandatos: biênios 2011-2013 e 2013-2015
Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Assessoria

Assessora: Juliana Daer
Telefone: (61) 3366-9164

Saiba mais:

Reconduzido ao cargo de conselheiro do Conselho Nacional do Ministério Público em 8/8/2013. Tomou posse em 12/8/2013.

Procurador de Justiça, Alessandro Tramujas Assad graduou-se em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PUCPR, em 1993. É mestre em Direito, pela Fundação Eurípides Soares da Rocha, Marília (2008).

Sua relação com o Ministério Público vem desde o tempo de estagiário e, depois, como servidor aprovado mediante concurso no MP/PR.

A carreira no Ministério Público do Estado de Roraima teve início no ano de 1994, como promotor de Justiça substituto. 

Atuou nas Comarcas de São Luiz do Anauá e Caracaraí (1995) e Boa Vista (1996).

Exerceu as funções de assessor especial da Procuradoria-Geral de Justiça e secretário-geral do Ministério Público do Estado de Roraima.

Foi eleito presidente da Associação do Ministério Público do Estado de Roraima - AMPER, no biênio 1998/2000.

Em novembro de 1998 foi promovido ao cargo de procurador de Justiça. Por dois mandatos foi corregedor-geral do Ministério Público (2001/2004), ocasiões em que integrou a Diretoria do Conselho Nacional de Corregedores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União (1° secretário e 1° vice- presidente).

Em 2007, foi o candidato mais votado para a chefia do Parquet estadual, sendo nomeado procurador-geral de Justiça do Estado de Roraima (biênio 2007/2009). Também fez parte da Diretoria do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União – CNPG, na condição de vice-presidente da Região Norte.

Membro eleito pela classe para o Conselho Superior do Ministério Público (2009/2011).

Procurador de Justiça com atuação perante a 3ª Procuradoria de Justiça Criminal.

Em 10 de agosto de 2011, assumiu o cargo de conselheiro do CNMP, e foi presidente da Comissão de Preservação da Autonomia do CNMP e membro das Comissões de Controle Administrativo e Financeiro, Aperfeiçoamento da Atuação do Ministério Público na Área da Infância e Juventude e do Sistema Carcerário e Controle Externo da Atividade Policial.

Atualmente exerce o cargo de Corregedor Nacional do CNMP.