Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Presidente da CCAF e CEC, conselheiro Silvio Amorim visita MP/MT para troca de experiências - Conselho Nacional do Ministério Público
Combate à corrupção
Publicado em 10/9/20, às 18h43.

20200910 105815O presidente da Comissão de Controle Administrativo e Financeiro (CCAF) e da Comissão de Enfrentamento da Corrupção (CEC) do Conselho Nacional do Ministério Público, conselheiro Silvio Amorim, esteve nesta quinta-feira, 10 de setembro, no  Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MP/MT) para trocar experiências e conhecer algumas iniciativas desenvolvidas no estado.

Na ocasião, Silvio Amorim ressaltou  posição de destaque do MP/MT na realização de práticas de gestão e enfrentamento da corrupção. Ele lembrou, ainda, que pretende compartilhar as iniciativas com o restante do país.

“O CNMP deve ser o propagador  das boas práticas desenvolvidas em todos os Estados. É o nosso papel mostrar ao país o que o Ministério Público tem feito de positivo”, afirmou o conselheiro.

O procurador-geral de Justiça do Mato Grosso, José Antônio Borges Pereira, destacou a importância da reunião com o CNMP e disse ser motivo de muito orgulho poder compartilhar práticas de sucesso desenvolvidas no estado. Ele elogiou o comprometimento e o desempenho  demonstrados pelos promotores de Justiça.

Na primeira rodada de apresentação, que ocorreu no período da manhã, dois promotores de Justiça que atuam no interior de Mato Grosso compartilharam as experiências. O promotor Daniel Balan Zappia, que atua em Diamantino, falou sobre  “Controle Preventivo da Publicidade de Dados Financeiros e da Execução Orçamentária – Fomento ao Controle Social”.

Segundo ele, a prática é resultado de uma metodologia de trabalho construída ao longo de sua atuação na defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa e da troca de experiências com outros promotores de Justiça.”Trata-se da sistematização de uma série de iniciativas com o propósito de fomentar o controle social e garantir a celeridade na obtenção de dados financeiros, relacionados à execução orçamentária”, explicou.

A segunda experiência foi apresentada pela promotora de Justiça Ana Carolina Rodrigues Fernandes, que atua no município de Nova Mutum. Ela falou sobre o “Projeto Valor”. Segundo ela, a ideia surgiu com o propósito de mostrar exemplos práticos à sociedade sobre os valores que a instituição defende.sobre os assuntos abordados.

A reunião tem continuidade na tarde desta quinta-feira com encerramento previsto para amanhã, às 11h.

Com foto e informações do MP/MT.

Secretaria de Comunicação Social
Conselho Nacional do Ministério Público
Fone: (61) 3315-9424
jornalismo@cnmp.mp.br 
Twitter: cnmp_oficial
Facebook: cnmpoficial