Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Corregedoria Nacional do MP e MP/PB discutem aprimoramento da segurança com governo estadual - Conselho Nacional do Ministério Público
Correição
Publicado em 30/11/21, às 18h47.

 

30.11.2021.Visita.Governador.Corregedoria.Nacional.Fotos.Ernane 53A Corregedoria Nacional do Ministério Público e o Ministério Público do Estado da Paraíba (MP/PB) discutiram com o Governo do Estado paraibano parcerias que aprimorem a segurança pública. O diálogo inicial para esse fim ocorreu durante visita institucional dos membros do MP ao governador do Estado, na tarde desta terça-feira, 30 de novembro, em João Pessoa. Após a correição, que termina nesta quinta-feira, o órgão nacional iniciará a consolidação de um relatório que deverá conter orientações e recomendações para a melhor prestação do serviço à sociedade.

Da Corregedoria Nacional, estiveram presentes à reunião o corregedor nacional, Marcelo Weitzel Rabello de Souza; o coordenador-geral, Benedito Torres Neto; o coordenador de Correições e Inspeções, Marco Antonio Santos Amorim; o coordenador substituto da Coordenação Disciplinar, Marcelo José de Guimarães Moraes; a coordenadora substituta de Correições e Inspeções, Vera Leilane Mota Alves de Souza; e o membro da Comissão do Sistema Prisional, Controle Externo da Atividade Policial e Segurança Pública do CNMP, Douglas dos Santos. Eles foram acompanhados pelo procurador-geral de Justiça, Antônio Hortêncio Rocha Neto; pelo corregedor-geral do MP/PB, Alvaro Gadelha; e pelos promotores de Justiça Ricardo Alex Almeida, Guilherme Lemos e Túlio César Neves.

O governador João Azevêdo recebeu os membros do MP e apresentou alguns auxiliares do governo que estavam presentes, como os secretários de Estado Jean Nunes (Segurança Pública) e Sérgio Fonseca (Administração Penitenciária); o delegado-geral da Polícia Civil, André Rabelo; o comandante-geral da Polícia Militar, Euller Chaves; o comandante do Corpo de Bombeiros, Marcelo Araújo, e o procurador-geral do Estado, Fábio Andrade.

Diálogo entre as instituições

O corregedor nacional do MP, Marcelo Weitzel, agradeceu a abertura da agenda do chefe do Executivo para receber a equipe, falou da importância do diálogo entre as instituições, destacando que é impossível resolver os problemas sérios e históricos da segurança pública sem um esforço conjunto. Ele, de forma preliminar, adiantou alguns gargalos que podem ser observados na segurança pública do Estado, a exemplo do déficit do efetivo policial, da necessidade de melhorar a inteligência no sistema prisional como uma forma de se antecipar a possíveis crises e também de buscar meios para agilizar inquéritos.

Weitzel explicou, ainda, que o diagnóstico na área feito pelas equipes da Corregedoria Nacional constaria no relatório final da correição e que o MP está disposto a, além de fiscalizar, contribuir no que for possível no que diz respeito à implementação das políticas públicas por parte do governo do Estado: “Estamos dispostos a trabalharmos juntos para a superação das dificuldades”, disse.

Construindo soluções

Antônio Hortêncio explicou o motivo da visita dos membros da Corregedoria Nacional à Paraíba, que é correicionar os trabalhos dos membros do MP/PB que atuam na apuração e persecução de crimes violentos letais intencionais, no sistema prisional e no controle externo da atividade policial nas cidades de João Pessoa, Santa Rita e Patos. Ele disse que, a partir do diagnóstico na área de segurança pública, a Corregedoria emitirá orientações e recomendações para aperfeiçoar o serviço dos membros.

O PGJ ressaltou que, respeitando as diferenças regionais e orçamentárias, o órgão nacional tem uma linha de atuação para melhorar a atividade do Ministério Público brasileiro e a prestação do serviço à sociedade. “Queremos encontrar e construir as melhores soluções”, destacou.

O governador da Paraíba destacou iniciativas do governo na área da segurança, com destaque ao concurso da Polícia Civil em andamento com 1.400 cargos e garantiu que haverá concurso também para a Polícia Militar. Ele colocou o governo à disposição do MP no sentido de fornecer os dados atualizados na área. João Azevêdo avaliou que a reunião foi objetiva e mostrou total disposição em fazer as devidas correções e os ajustes que forem apontados pela Corregedoria Nacional, dentro das limitações do governo para o aprimoramento da segurança pública no Estado.

Foto: Site oficial MP/PB.

Secretaria de Comunicação Social
Conselho Nacional do Ministério Público
Fone: (61) 3315-9424
jornalismo@cnmp.mp.br 
Twitter: cnmp_oficial
Facebook: cnmpoficial