Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Augusto Aras reforça convite à adesão de membros e servidores do Ministério Público ao Movimento Nacional em Defesa das Vítimas - Conselho Nacional do Ministério Público
Defesa das vítimas
Publicado em 20/9/22, às 15h22.

aras 14 sessaoO presidente do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Augusto Aras, reforçou que membros e servidores do Ministério Público brasileiro que tiverem interesse em participar do Movimento Nacional em Defesa das Vítimas podem preencher o formulário de adesão ao projeto.

O comunicado foi feito nesta terça-feira, 20 de setembro, na 14ª Sessão Ordinária de 2022, durante a assinatura do protocolo de intenções firmado entre o CNMP e a Caixa Econômica Federal para estabelecer parceria nas áreas de combate à violência doméstica, proteção e independência financeira às mulheres.

Aras, que lançou o formulário de adesão em agosto, convidou a todos “a se unirem a este movimento de apoio às vítimas e ajudar a disseminar que a ‘vítima nunca tem culpa’. Juntos, podemos trazer um novo olhar para a realidade de muitas pessoas e mudar o desfecho de inúmeras histórias”.

Para obter mais informações, acesse aqui o portal do movimento.

Matérias relacionadas
Augusto Aras lança formulário para adesão de membros e servidores do Ministério Público ao Movimento Nacional em Defesa das Vítimas

“Vítima não tem culpa, deve ser acolhida e respeitada”, defende Augusto Aras em evento de lançamento de movimento nacional

Secretaria de Comunicação Social
Conselho Nacional do Ministério Público
Fone: (61) 3315-9424
jornalismo@cnmp.mp.br 
Twitter: cnmp_oficial
Facebook: cnmpoficial