Seu navegador não suporta java script, alguns recursos estarão limitados. Panorama 360º traz destaques da 16ª Sessão Ordinária do CNMP, primeira sob o comando da presidente Elizeta Ramos - Conselho Nacional do Ministério Público
Sessão
Publicado em 27/10/23, às 16h20.

Panorama 360º reduzidoA condução da 16ª Sessão Ordinária do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) pela presidente interina da instituição, Elizeta Ramos, é um dos destaques da nova edição do Panorama 360º. Disponível nos principais veículos de comunicação do Conselho, o programa traz os principais atos e decisões do Plenário do CNMP no encontro do colegiado, que ocorreu na terça-feira, 25 de outubro.

Na presidência da instituição, em virtude da vacância do cargo, e no comando de uma sessão pela primeira vez, Elizeta Ramos ressaltou que o CNMP prosseguirá, no mesmo ritmo exitoso, sua atividade de fiscalização administrativa, financeira e disciplinar do Ministério Público (MP). Durante o encontro, ela apresentou proposta de resolução que prevê a equiparação constitucional de direitos e deveres do MP e da Magistratura, aprovada pelo Plenário.

Outro destaque é a aprovação de proposta que aperfeiçoa as atividades do MP no sistema prisional e de segurança pública, como também de recomendação que aprimora atuação do Ministério Público na fiscalização do Fundo Penitenciário Nacional e incentiva ações para redução da taxa de ocupação no sistema.

O programa aborda, ainda, a edição de artigo pelo Plenário para proibir atividades remuneradas de coaching por membros do MP, além da celebração do Conselho aos 20 anos do Estatuto da Pessoa Idosa, com a exposição fotográfica “Memórias de Permanência”.

Na sessão, o conselheiro Antônio Edílio apresentou, ainda, proposta de resolução que regulamenta a atividade do Ministério Público em investigações de morte, violência sexual, tortura, desaparecimento e outros crimes com intervenções dos órgãos de segurança pública

Por fim, o Panorama informa que o CNMP realizou assinatura de dois acordos de cooperação técnica. Em conjunto com as Secretarias Nacionais de Justiça (Senajus) e de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça (MJSP), o órgão busca promover a educação em defesa da democracia no âmbito das forças de segurança pública. Já com a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), Instituto Rui Barbosa (IRB) e o MP de Alagoas, a instituição tem como objetivo ampliar o projeto “Sede de Aprender”.

Veja a integra do programa.

Sessões

As sessões plenárias são ordinárias ou extraordinárias, sendo as ordinárias realizadas em dias úteis, a partir das 9 horas, no mínimo duas vezes ao mês. A próxima sessão está marcada para 14 de novembro, conforme prevê a Portaria CNMP-PRESI nº 256/2023.

Todas as sessões são públicas e ocorrem no Plenário do CNMP, em Brasília. Além disso, são transmitidas, em tempo real, pelo canal oficial do Conselho no YouTube.

Secretaria de Comunicação Social
Conselho Nacional do Ministério Público
Fone: (61) 3315-9424
jornalismo@cnmp.mp.br 
Twitter: cnmp_oficial
Facebook: cnmpoficial
Instagram: cnmpoficial
YouTube: conselhodomp